ForexInvestimentos

O que é Forex Trading: conceitos básicos

Criado em 1971, o Forex é um mercado totalmente descentralizado e dedicado à negociação de moedas do mundo todo. É um balcão aberto 24h diariamente, de domingo a sexta-feira. O volume transacionado chega a 5 trilhões de dólares.

No Forex, você pode negociar moedas a um preço resultante do confronto entre oferta e demanda. A negociação é realizada com a mediação de corretoras que conectam os investidores (também chamados de Forex traders) por meio de plataformas na internet.

Ao contrário dos ativos do mercado acionário (ações , títulos, etc.), moedas são cotadas sempre em pares. As moedas que formam o par são designadas por um código próprio com três letras (exemplos: EUR para Euro e USD para dólar americano).

O valor de cada moeda é sempre expresso em comparação a outra. Assim, diremos que um real (BRL) vale USD 5,15, por exemplo. Moedas mais negociadas no Forex, como o dólar, o euro, a libra esterlina e o iene japonês, são todas consideradas moedas de reserva pelos bancos centrais (que as armazenam).

Cada taxa de câmbio (preço de equilíbrio) é sensível a diversos fatores: todos os eventos econômicos (variação dos juros básicos, taxas de crescimento, inflação etc.), bem como eventos políticos, sentimento do mercado , desastres naturais , etc.

blank

Como funciona o Forex

Vários participantes são encontrados no mercado cambial: bancos centrais, bancos comerciais, empresas, fundos de hedge e, na margem, muitos investidores individuais negociando suas cotações por meio de produtos derivados (CFDs, etc.).

Graças ao Forex, todos esses players podem negociar os pares com liquidez garantida. Cada par (exemplo: EUR/USD) é composto de uma moeda base (neste exemplo, o euro) e uma moeda colocada contra ela (neste exemplo, o dólar). É a avaliação da moeda de referência em relação à sua contraparte que fornece a cotação.

Como no mercado acionário tradicional, quando uma moeda é comprada, os preços sobem à medida que sua demanda aumenta. Esse fenômeno é particularmente perceptível em momentos de crise, quando os investidores migram para moedas consideradas seguras, como o dólar, o iene e o franco suíço.

O dólar permanece sendo a moeda de referência nesse sentido. É a moeda mais usada e trocada em todo o mundo: 85% das transações realizadas em Forex incluem dólares americanos.

Por outro lado, quando uma moeda é vendida, seu valor relativo diminui, quanto maior a oferta em relação à demanda. E os movimentos para baixo podem ser dramáticos!

Como são cotadas as moedas

No Forex, as moedas são cotadas, quase sempre, conforme a unidade da 4ª casa decimal. Esse quarto dígito depois da vírgula é chamado de “pip” (ponto em porcentagem). Ele define a mudança de valor entre 2 moedas. O menor movimento é, portanto, equivalente a 0,0001. Se o par BRL/EUR vai de 0,7988 a 0,7989, diz-se que o par subiu 1 pip.

É bom saber: a grande exceção a este sistema envolve o iene japonês. Nesse caso, um pip é o movimento da segunda casa decimal após a vírgula.

Os lucros obtidos no Forex são produzidos pela valorização ou depreciação de cada moeda negociada em oposição a outra. Se comprarmos dólares com euros, teremos que esperar o valor do euro aumentar, em comparação ao dólar, para revendê-lo com um ganho cambial.

As corretoras especializadas, que intervêm no mercado cambial em nome dos investidores, são remuneradas pelo spread (diferença) entre os preços obtidos na compra/venda entre os traders. Como os preços são voláteis, a promessa de ganhos diários costuma se apresentar promissora.

Como investir no Forex

A maioria das pessoas que investem em Forex o faz por CFDs (ou “contratos por diferença”). Eles permitem trocar a diferença de preço (spread) de um par entre o momento em que a posição é aberta e quando é fechada. O princípio do CFD é simples: com uma posição longa (de compra) o investidor obtém um ganho caso o preço do par aumente – e vice-versa. Com uma posição curta (venda), a lógica é invertida (ganho se o valor do par diminuir).

Artigos relacionados

Um Comentário

  1. Excelente conteúdo, mas espero ver dicas mais avançados aqui no blog em breve. Dá pra ver que você entendem e ensinam bem o que se propõem!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo