InvestimentosOpções Binárias

Como fazer o gerenciamento de suas operações em Opções Binárias

Não existe lucro sem gerenciamento. Se enganam os investidores que acham que, ao entrar no mercado efervescente das Opções Binárias, irão obter grandes lucros sem esforço. Pelo contrário! Antes de tudo, é preciso entender que as técnicas para gerenciar riscos sempre farão parte da rotina padrão de qualquer trader. Aprofunde-se no tema e você não terá qualquer arrependimento – pelo contrário!

Quando falamos em gerenciamento de risco, precisamos compreender o seu significado. É muito comum, ao operarmos em Opções Binárias, perdermos ou ganharmos demais em algum momento e, como resultado, faltar com a frieza para tomar algumas decisões. 

Por isso, o gerenciamento é bem mais que simples estratégia de redução de riscos. Ele serve como uma ferramenta para auxiliar o trader a gerenciar perdas. Ganhar dinheiro em OBs depende mais de saber a hora apropriada para parar de investir. Um excelente gerenciamento de riscos sempre marcará a diferença entre o seu sucesso e a sua falência. 

Opções Binárias são apostas?

blank

O gerenciamento de risco tem algumas regras próprias. Qualquer investidor que pensa em operar no mundo de Opções Binárias deve compreender que esse mercado exige mais que “jogar” em uma direção desejada para o ativo. Se você espera investir dinheiro como um jogador, prepare-se para perdê-lo. O erro fatal dos traders iniciantes é achar que a sua estratégia é infalível. 

Opções Binárias estão longe de configurar uma aposta. Elas são uma modalidade de investimento. Por isso, demandam conhecimento, compreensão e respeito a algumas regras. Se você se interessa de verdade em investir e tornar-se trader, separamos algumas regras e estratégias para um gerenciamento profissional de perdas e riscos. 

Quais as regras para gerenciar Opções Binárias?

Definir o stop é uma das primeiras regras para um gerenciamento de qualidade. Claro que isso, no caso, não apenas em Opções Binárias, mas para o mercado financeiro. Ao definir um stop, você estipula quanto se dispõe a arriscar. Assim, em vez de tomar a decisão de quando parar, você pré-determina um ponto de parada e a máquina opera por você tomando a melhor decisão. 

Definir metas de perdas é essencial para evitar problemas, mas também é importante definir quanto você pretende ganhar. Definir a meta de ganhos pode parecer estranho, mas é normal. Afinal, quando alguém está ganhando, pode não saber a hora correta de parar, o que tende a resultar em uma perda futura. Ter um objetivo claro de quanto você pretende ganhar é uma maneira inteligente de gerir seus riscos. 

Limitar o número de operações é, sem dúvida, uma estratégia a ser seguida. Investir é criar estratégias. Se você tende a fugir da sua estratégia, seja ganhando ou perdendo, você acaba demonstrando um mau gerenciamento de riscos. 

Operar além do estipulado é algo que ocorre muito, já que quem perdeu dinheiro espera recuperá-lo, e quem está ganhando quer lucrar ainda mais. Porém, o trader está, assim, contra a sua estratégia e colocando em risco seu gerenciamento. 

Esse comportamento é  popularmente conhecido como overtrading. Em qualquer gerenciamento de riscos faz-se importante definir uma quantidade de operações diárias e operar dentro dessa média.

Outra regra importante ao gerir seus riscos é delimitar seus horários. Ao avaliar suas estratégias, caso você perceba que opera melhor em um turno que em outro, o ideal é continuar operando no turno que proporciona mais ganhos. Alguns investidores sem estratégias na empolgação de uma operação positiva em um turno acabam tentando operar novamente em outro e acabam perdendo dinheiro. Então lembre-se, atenha-se a sua estratégia. 

Qual a forma ideal de gerenciar Opções Binárias?

O gerenciamento ideal é sempre aquele que prevê os riscos conforme as operações imaginadas pelo trader. Pensou em investir ou já investe em Opções  Binárias? É importante começar a definir suas estratégias. A partir destas definições você desenvolve um tanto de regras que se aplicam, logicamente, ao seu gerenciamento. 

Um trader precisa definir o quanto está realmente disposto a investir, por quanto tempo e o quanto se dispõe a perder por dia. Em seguida deve definir quanto espera lucrar, baseado em quanto está investindo. Após iniciar as operações, ele deve observar quantas operações cabem dentro da sua estratégia e quais os horários mais adequados para operá-las. 

É a partir da própria estratégia que um trader desenvolverá o seu gerenciamento da forma ideal. Atualmente, existem planilhas de gerenciamento e plataformas que auxiliam a criar uma automatização dessas ações. Ou seja, um bom gerenciamento depende também de seguir suas próprias regras, confiando na sua estratégia.

Finalizando

Planilhas e plataformas auxiliam sempre na automatização de decisões, mas lembre-se que, em última instância, as decisões e estratégias devem seguir o que você traçou como metas.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo