FerramentasForexInvestimentosSinais

Como encontrar os melhores sinais Forex

Alguns traders não têm tempo suficiente para desenvolver uma estratégia de negociação ou monitorar continuamente os mercados financeiros. Felizmente, existem os chamados sinais Forex, que informam o trader sobre qualquer entrada ou saída promissora de uma posição. Na verdade, existem várias categorias de sinais, cujo uso depende das expectativas de diferentes tipos de traders.

Por um lado, e em primeiro lugar, temos o sinal Forex que se baseia em notícias econômicas. É uma abordagem fundamentalista, pois consiste na interpretação rápida dos comunicados de imprensa e, posteriormente, na sua avaliação ao nível do calendário económico.

Por outro lado, em segundo lugar, está o sinal técnico de negociação, cuja abordagem é baseada em análises técnicas realizadas por traders profissionais. Esse é um tipo de sinal também chamado de sinal de negociação profissional.

Como usar sinais de Forex

Usando gráficos em Opções

Apesar de tudo, é perfeitamente possível obter lucros usando os dois tipos de sinais Forex, desde que você verifique alguns elementos importantes e certifique-se de alguns pontos-chave:

  • Você precisa conhecer bem a si mesmo antes de confiar em uma plataforma, se quiser usar os sinais que ela oferece
  • A disciplina é um aspecto essencial que o profissional deve demonstrar, não se deixando guiar apenas por suas emoções
  • Usar a intuição, a experiência e o know-how, aliados às informações do sinal, aumentam as chances de se obter um resultado mais conclusivo

Se, por exemplo, considerarmos que os sinais geralmente se baseiam em uma simples análise técnica de preços. Nesse caso, será necessário realizar, em paralelo, uma análise fundamentalista por meio de um calendário econômico. Assim, você poderá sentir que tem informações confiáveis ​​sobre a venda ou a compra do ativo.

Como encontrar bons sinais de Forex

Uma alternativa interessante é pesquisar por conta própria os sinais Forex que correspondem à sua própria estratégia de negociação. Em geral, isso se traduz em um processo de aprendizagem que inclui o estudo de gráficos e seus indicadores, mas também a coleta do máximo de informações possível sobre o ativo que interessa.

Tomemos o exemplo dos níveis de suporte e resistência, ou pontos de pivô. Eles tornam possível determinar facilmente se o preço de um par de moedas que estamos acompanhando aumentará, diminuirá ou permanecerá estável no curto e no médio prazos.

Então, começando uma análise pessoal e comparando os resultados com os sinais oferecidos pela plataforma de negociação, é possível desenvolver rapidamente estratégias eficazes, ou simplesmente melhorá-las continuamente.

Escolhendo sinais para as suas estratégias

A maioria das plataformas de negociação online no mercado financeiro oferece aos traders a assinatura de sinais de negociação gratuitos ou o fornecimento de sinais por meio de  software independente. Como resultado, a oferta de sinais de negociação é muito abundante, tornando difícil para os traders (especialmente os iniciantes) escolher um fornecedor. Afinal, não é uma tarefa simples diferenciar os sinais bons dos ruins.

Antes de optar por um sinal específico, é necessário verificar sua confiabilidade. Embora sinal algum possa garantir totalmente a realização de lucros, alguns são mais promissores do que os outros. Para descobrir, você precisa confiar nas opiniões e análises dos usuários que já experimentaram, pesquisando a respeito em sites como o Reclame Aqui.

A frequência com que os sinais são atualizados também é um fator determinante. Na verdade, os ativos evoluem constantemente de acordo com várias tendências em sequência, o que significa que um sinal de compra pode derrubar rapidamente um sinal de venda em seu lugar. Portanto, é preferível usar sinais atualizados com frequência ou que operem automaticamente ao longo do dia.

É importante não negligenciar o nível de risco, porque geralmente os sinais de negociação são fornecidos em conjunto com um índice de confiabilidade formulado em porcentagem. Quanto mais alto ele for, maior será a probabilidade de o sinal ser alcançado. Inversamente, quanto mais baixo o índice, mais ele indicará que o risco é considerável e que a previsão é irreal.

A análise fundamental também é primordial, mas muitas vezes acontece que alguns sinais são derivados de um software que usa apenas análise técnica na preparação de suas previsões. Felizmente, outros realizam análise fundamentalista ao considerar incidentes que possam afetar o crescimento do ativo. Esses sinais são mais completos e seu uso é preferível em relação a sinais formulados com análise técnica.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo