FerramentasInvestimentos

Simuladores Day Trade: principais vantagens e como usar

Quantas coisas você já deixou de fazer por medo e se arrependeu depois? Com certeza, muitas, como qualquer pessoa que já viu passarem algumas boas oportunidades pela frente e não teve coragem de pular sobre ela. Isso é normal, e não há do que se envergonhar. No entanto, é bom saber que, mesmo sentindo medo de tentar algo novo, muitas vezes há formas de lidar com isso sem precisar arriscar a paz de espírito e muito menos seu dinheiro.

Se você já pensou (e ainda pensa) em se aventurar pelo universo do day trading, por exemplo, pode ficar tranquilo. Afinal, muitas corretoras oferecem ferramentas que permitem simular a operação real na bolsa de valores sem colocar seu dinheiro em risco. Trata-se do famoso simulador day trade. Esse recurso é valioso para traders que estão iniciando, mas não só para eles, como explicaremos neste artigo.

O objetivo deste guia especial sobre simulação day trade é justamente mostrar do que se tratam as ferramentas desse tipo, como utilizá-las e quais são suas vantagens para os traders. Além disso, daremos algumas indicações para que você escolha um simulador day trader e dê seus primeiros passos usando esse recurso.

Artigos relacionados

O que é um simulador de day trade

Um simulador day trade é uma ferramenta que reproduz o ambiente online de plataformas de operações no mercado financeiro, em especial da bolsa de valores. Esse tipo de ferramenta proporciona aos traders a possibilidade de realizar operações sem risco, com fundos fictícios, além de testarem os recursos oferecidos no ambiente de trading real da corretora que disponibiliza o simulador.

Apesar de ser destinado sobretudo a traders iniciantes ou mesmo a curiosos sobre o universo de day trading, um simulador também traz benefícios a investidores experientes. Afinal, ele permite que se realize estudos e teste estratégias específicas para o mercado financeiro sem colocar em risco os fundos do trader.

O resultado não poderia ser melhor: todos os tipos de traders se beneficiam e desenvolvem seu conhecimento sobre investimentos – e sobre a própria plataforma – de forma segura. Assim, cresce a confiança dos traders com seu próprio potencial e em relação à corretora, o que é muito importante num ambiente repleto de riscos como é o virtual.

A seguir, falaremos sobre alguns tipos comuns de simulador que se encontram em corretoras e plataformas de investimentos.

Tipos de simulador

Ok, já entendemos os conceitos básicos de um simulador de day trade e entendemos de que modo uma ferramenta dessas pode ajudar traders e investidores de diferentes níveis. Mas, afinal, que tipos de simulador day trade existem e quais são as diferenças mais marcantes entre eles?

Há diversas plataformas destinadas a esse fim, algumas muito mais completas que as outras. Podemos encontrar desde uma plataforma de simulação de nível profissional, como o Profit, até ferramentas que funcionam por meio da reprodução de um replay de mercado, como ocorre em muitos casos.

Vamos detalhar melhor, agora, essas duas categorias principais, explicando as diferenças mais marcantes entre elas.

Simulador day trade

Um simulador de day trade permite que se faça o envio de uma ordem para a Bolsa em tempo real. Em outras palavras, o trader envia ordens que simulam operações reais na bolsa. Esse tipo de sinal proporciona uma ambientação melhor para investidores iniciantes. Afinal, dá a eles a possibilidade de aproveitar as condições do momento como se estivessem usando uma conta padrão da plataforma de investimentos.

Um simulador também permite ao trader acompanhar seu histórico de operações registradas na conta. Assim, você pode consultar sua evolução e desenvolvimento enquanto pratica seus conhecimentos.

Um elemento comum em muitos simuladores, no entanto, é que as operações simuladas são encerradas quando o pregão termina. Desse modo, você só pode seguir seus testes e aprendizado no dia seguinte, abrindo novas posições e recomeçando a sessão do zero. Logicamente, como estamos falando em simulação de day trade, isso não chega a ser um problema relevante.

De qualquer forma, o simulador se mostra um excelente recurso para compreender a fundo o funcionamento de operações de negociação na bolsa. Quando você resolver aplicar seu capital para valer, já terá vivenciado uma boa parte da experiência de trading – como se estivesse mesmo operando e arriscando seu dinheiro numa conta real.

Replay de mercado

O replay de mercado é outro recurso interessante para quem deseja treinar estratégias ou testar seus conhecimentos mais básicos num simulador de investimento. Este recurso permite que se escolha um dia do passado para reproduzir os sinais que a bolsa emitiu, então, na plataforma. Trata-se, portanto, de uma simulação da sessão que esteve à disposição de um trader qualquer no dia em questão.

Um exemplo de plataforma de simulação que funciona em alto nível nesse formato é o Profit. O simulador reproduz sinais fielmente à forma como as negociações tiveram lugar durante os pregões passados. Ele aplica toda a sequência de envio de ordens, fila das execuções e mais. Dessa forma, mostra-se um simulador de investimento interessante para quem deseja testar seus conhecimentos e estratégias sob condições mais ou menos específicas.

A principal desvantagem do Profit e de outros simuladores para day trade é sua limitação a pregões passados. Isso quer dizer que eles não permitem o acompanhamento de sinais do mercado em tempo real. Ou seja, você estará limitado a testes em “gravações” do mercado, em vez de operar o simulador de day trade ao vivo.

Comparação entre as duas modalidades

Seja como for, importa deixar claro que o simulador de day trade funciona bem em ambos os formatos – como um simulador em tempo real e como um replay do mercado. Tanto em um quanto no outro modelo, a ferramenta traz sinais fiéis ao que ocorre (ou ocorreu) efetivamente no mercado.

Assim, os traders podem experimentar as mesmas condições enfrentadas por quem esteve ou está ativo nas sessões reais: volume negociado, tamanho de cada ordem, ordenamento da fila, nível de agressividade, nível de instabilidade etc.
A reunião de todos esses fatores representa uma experiência extremamente realista para quem utiliza a ferramenta de simulação de day trade. A diferença está mesmo no instante no tempo ao qual o trader tem acesso utilizando um ou outro formato de simulador. Em alguns casos, o recurso de ter acesso a sessões passadas poderá ser especialmente útil, para quem o trader tenha acesso a condições sob as quais deseja treinar.

simulador de investimento
Simulador de investimento

Simulador de day trade funciona?

Esta é uma pergunta difícil de responder e que depende, em grande parte, de um entendimento maior do que se deseja saber, efetivamente, sobre os simuladores. Resumindo: um simulador funciona em que sentido? Para quê?

É claro que um simulador funciona dentro do que é proposto para essa ferramenta: reproduzir as condições de um ambiente de negociação para que os traders testem suas habilidades e estratégias sem risco de perder dinheiro. No entanto, é preciso cuidado para não confiar 100% nos resultados obtidos com ele, caso você pretenda tomá-los como referência para o desempenho que pode vir a ter negociando com dinheiro real.

Afinal, há pelo menos um aspecto básico que simulador nenhum poderá reproduzir fielmente: o medo de perder dinheiro – e o desejo de ganhá-lo. Como você não estará lidando com dinheiro real, não poderá sentir os efeitos psicológicos de ter seu dinheiro em risco, bem como não se sentirá atraído na mesma medida a agir visando o lucro.

Portanto, seja sempre comedido ao tentar tirar conclusões dos resultados com um day trade simulador. Sua cabeça não funcionará da mesma maneira quando tiver dinheiro em jogo. O seu desempenho com um simulador é uma referência importante, mas deve ser encarado de forma fria e racional.

Como usar um simulador

É importante, também, ter uma atitude fria e racional durante o uso do simulador. Afinal, assim como o papel dele é reproduzir ao máximo as condições de mercado, como uma conta demo, você também deve tentar reproduzir as atitudes que teria no mundo real. Só assim o seu desempenho fará sentido enquanto indicativo de curva de aprendizagem e efetividade de estratégias testadas.

O nosso principal conselho, portanto, é não levar na brincadeira o uso do simulador. Por exemplo, evite abrir ordens com valores fantásticos ou em situações improváveis apenas por diversão. Você só estará perdendo tempo ao abrir uma série de posições fora da realidade, com lotes anormais, sem uso de stop ou qualquer gerenciamento do risco envolvido. Leve a sério o treino, pois suas atitudes poderão ser reproduzidas mais tarde.

Vantagens e desvantagens de um simulador day trade

Ao longo deste artigo, já tocamos neste tema em diversos momentos, mas é importante falar mais claramente sobre as vantagens e desvantagens de simuladores. Assim, podemos resumir os principais elementos que devemos ter em conta ao usar esse tipo de ferramenta.

Vantagens

As vantagens de um simulador de bolsa de valores certamente superam suas desvantagens em larga medida. A seguir, listamos os principais pontos a favor:

  • Serve como contato inicial de traders iniciantes com o day trade
  • Permite o teste de novas estratégias de negociação
  • Possibilita que se experimente novas ações e títulos
  • Permite testar as ferramentas e serviços da própria plataforma de negociação
  • Preserva o capital do investidor livre de riscos
  • Muitas vezes, é possível encontrar simulador day trade grátis online
  • Ajuda a desenvolver o controle emocional
  • Em muitos casos, é possível gerar relatórios e analisar o desempenho a fundo

Desvantagens

Como em tudo na vida, há também nas contas demo alguns “contras” que devem ser levados em consideração. Possivelmente, nada que impeça algum trader de utilizar a ferramenta, mas estes são pontos que permitem aos investidores traçar expectativas realistas e utilizar melhor os recursos disponíveis.

  • Simuladores não reproduzem o fator psicológico de negociar com dinheiro real
  • Em alguns casos, as corretoras não disponibilizam todos os recursos da versão real
  • As corretoras podem liberar o simulador apenas para clientes ou cobrar pelo seu uso
  • Simuladores podem ter fundos fictícios limitados, dependendo da corretora

Onde encontrar um simulador

Como vimos acima, muitas das desvantagens listadas (com exceção da questão psicológica) dependem essencialmente de qual é a corretora em questão e do modo como ela oferece essa ferramenta. Portanto, é importante avaliar bem eventuais limitações de um simulador antes de investir seu tempo (e, em alguns casos, seu dinheiro) nesse recurso.

Não encontramos informações sobre todas as corretoras mais populares no Brasil. Por exemplo, não há nada sobre um simulador day trade Easynvest no site da empresa. Isso não significa, no entanto, que eles não possam oferecer esse serviço aos seus clientes. De todo modo, listamos aqui apenas as ofertas disponíveis publicamente no momento.

Simulador day trade Rico

O simulador day trade da Rico, por exemplo, custa R$9,90 ao mês e inclui as opções de simulação e replay de mercado. É uma versão personalizada do simulador Profit que inclui zeragem automática e outros recursos interessantes para os traders.

Simulador de day trade Clear

A Clear oferece diferentes tipos de simuladores para seus clientes, com custo adicional. A ferramenta mais cara é o Tradezone, que traz diversos indicadores técnicos ao custo mensal de R$62,00 + impostos. Já o Flashchart custa R$29,90 ao mês. Por fim, há o Metatrader ao custo de R$9,90 + imposto de 10,68% mensais.

Simulador day trade XP

Se você procura na XP Investimentos simulador day trade, saiba que essa função está disponível apenas para clientes da empresa. O serviço está disponível por meio da ferramenta Fast Trade, atualmente.

Ads

Artigos relacionados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Botão Voltar ao topo